.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Bem-vindo seja, o bom tem...

. Coimbra, meu amor...

. Evasão

. Notícia de Jornal*

. Que saudades!

. Dança latina

. Arroz vitaminado

. Sobremesa do Desenrasque

. Amo la vita colorata

. Cromos da Académica - boa...

.arquivos

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quarta-feira, 7 de Fevereiro de 2007

Notícia de Jornal*

"Atentou contra a existência num humilde barracão
Joana de tal por causa de um tal João
Depois de medicada,retirou-se para o seu lar.
Aí a notícia carece de exactidão:
O lar não mais existe,ninguém volta ao que acabou,
Joana é mais uma mulata triste que errou.
Errou na dose
Errou no amor
Joana errou de João.
Ninguém notou
Ninguém morou
Na dor que era o seu mal.
A dor da gente não sai no jornal."
* Poema de Chico Buarque divulgado no blogue Denúncias e Opiniões, a propósito do referendo para a despenalização da IVG até às 10 semanas. Voto SIM. Não estarei a votar Sim ou Não ao aborto. Estarei a votar contra a clandestinidade, a favor da saúde.
sinto-me: solidária com as mulheres
publicado por brincalhona às 15:12
link do post | brincar | favorito
|

.links